Fechar

Piscinas de vinil: veja prós e contras

Piscinas de vinil: veja prós e contras

Sol, piscina e família reunida: este é o cenário desejado por muitas pessoas para se aliviarem nos dias de calor intenso. Para aqueles não têm a oportunidade de morar em uma região com praias, ou não possuem acesso a clubes, ter uma piscina em casa pode ser a opção de lazer ideal para reuniões, além de proporcionar momentos relaxantes e refrescar até os dias mais quentes do ano.

Diversas opções vêm surgindo no mercado, todas com suas vantagens e desvantagens. Fatores como tipo de ambiente, valor disponível para ser gasto, durabilidade e design desejado devem ser levados em consideração na hora de escolher qual o tipo de piscina a ser instalado.

Com projetos arquitetônicos atuais, cada vez mais visando o aproveitamento de espaço, é possível instalar uma piscina mesmo em locais pequenos. A fase de planejamento é essencial, visto que, ao ser implementada, a piscina já deve contar com todos os acessórios escolhidos pelo cliente, como iluminação, aquecimento e jatos d’água.

As piscinas de vinil, muito utilizadas nos Estados Unidos e Europa, estão ganhando cada vez mais espaço no Brasil, já que são mais acessíveis e o tempo de instalação é baixo em relação aos outros tipos.

Englobando preço baixo se comparado com outros tipos de piscina, tempo de instalação de cerca de 20 dias, fácil manutenção e versatilidade quanto ao design e modelo escolhido, as piscinas de vinil vêm se mostrando uma boa opção.

Para o processo de instalação, após a escolha do local é feita a demarcação do solo definindo a profundidade. A seguir ocorre a escavação, a construção de tubulões e colunas e o levantamento das paredes com blocos de concreto. A impermeabilização, assim como revestimentos ou rejuntes, não são necessários, o que acaba diminuindo o seu preço final. O design escolhido é feito pelo cliente, com estampas que imitam pastilhas ou mesmo desenhos como peixes e outros seres marinhos.

Assim como os outros tipos de piscinas, as de vinil possuem vantagens e desvantagens que podem ser decisivas quando se opta por esse material. Para isso, listamos os principais pontos para facilitar a decisão:

Vantagens

  1. Liberdade no design escolhido: o vinil é comprado na empresa especializada com o desenho escolhido. Imitação de pastilhas é o modelo mais utilizado, porém você pode fazer seu desenho personalizado ou escolher dentre as variantes disponíveis como cores, degradês, desenhos geométricos ou desenhos de animais. Tudo de acordo com a disponibilidade da empresa contratada.
  2. Versatilidade no formato: Por ser um material maleável e feito industrialmente, você pode desenhar sua piscina no formato desejado, pois o vinil acompanha curvas e ângulos nos mais variados tipos de projetos.
  3. Instalação rápida: Diferente da piscina de concreto, sua instalação é mais ágil, desde a estrutura até a não necessidade de assentar pastilhas em toda a sua extensão.
  4. Fácil manutenção:  o vinil tem a vantagem de poder ser consertado com a piscina cheia se o mesmo apresentar trincas ou vazamento. Para isso, basta utilizar um dos kits de vinil que empresas especializadas em piscina possuem à disposição.
  5. Fácil limpeza: Luciana informa que devido à superfície lisa, o acúmulo de sujeiras como algas e fungos é menos comum do que em piscinas de concreto. Utilizando-se de produtos químicos para tratar a água, a piscina não tem a necessidade de ser esvaziada para a realização da limpeza.
  6. Não necessita de impermeabilização: “Como o vinil ou manta vinílica é o próprio agente impermeabilizante, esse tipo de piscina dispensa a utilização de impermeabilizante como ocorreria se o modelo escolhido fosse feito de concreto.

Desvantagens

  1. Cloro em excesso: para a arquiteta, o maior problema no visual da piscina é por uso indevido de produtos químicos. Cloro em excesso pode desbotar o desenho impresso no material e provocar ressecamento nas bordas, sendo necessário a troca do vinil em cerca de 10 anos. Para que isso não ocorra, há no mercado produtos com a dosagem correta para este tipo de material.
  2. Fragilidade: Objetos pontiagudos devem ser evitados durante o uso da piscina. Como o material é maleável, estes tipos de objetos podem rasgar sua estrutura.
  3. Rápido enchimento: “Como necessita de rápido enchimento, muitas vezes é necessário um caminhão pipa para finalizar a instalação.

 

E ai ? Depois de ver as vantagens e desvantagens da piscina de fibra , qual sua opinião sobre a mesma? Instalaria na sua casa ? Conta pra nós aqui nos comentários!

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *